Barcos no porto do Lago Titicaca

Isla del Sol – Como chegar

A Ilha do Sol, localizada na parte sul do Lago Titicaca, faz parte do município de Copacabana. Não tem muito segredo para chegar lá, todos sabem que é de barco. Mas há vários detalhes que precisam ser levados em consideração, então resolvi fazer uma postagem explicando direitinho.

Para começo de conversa, é preciso saber que, mesmo estando bem próximo de Copacabana, o trajeto é bastante demorado. São umas duas horas para percorrer cerca de 24km nas águas do lago de Copacabana até a comunidade Challapampa, no norte da ilha, para onde se destinam a maioria dos turistas – é ali que estão as ruínas incas. Até existe a opção de ir mais rápido, mas daí tem que pagar um frete de lancha particular que fica muito caro.

Avenida 6 de Agosto
Avenida 6 de Agosto

Cheguei em Copacabana no comecinho da tarde, vindo de La Paz. Assim que comecei a caminhar na Avenida 6 de Agosto, que é a rua principal e leva até o Hotel Lago Azul, comecei a receber ofertas de pessoas na rua de lugar para dormir e passagens para a ilha. Eu já tinha reservado a minha hospedagem e não estava com pressa de comprar o passeio, então simplesmente segui meu caminho. Acabei comprando mais tarde na recepção do hotel. Muita gente fala que na Bolívia todos os preços são negociáveis, mas como as coisas são baratas, eu nem me preocupei em pechinchar. Além disso, comprei apenas a ida, pois decidi dormir uma noite na Isla del Sol, no hostal Casa de la Luna, e preferi deixar para comprar a passagem de volta no dia.

Embarcando rumo à Isla del Sol
Embarcando rumo à Isla del Sol

Os barcos saem todos da mesma região, já que a praia não é muito grande. O horário da primeira saída também é o mesmo, às 8 horas da manhã. Depois tem barco a tarde, mas eu queria aproveitar bem o dia por lá e fazer a caminhada que atravessa toda a ilha, então fui o mais cedo possível. Mesmo com os vários barcos, foi fácil localizar o que tinha o nome Andes Amazonia, como havia sido informado no hotel. Alguns minutos antes da partida, o grupo de pessoas que comprou passagem para essa embarcação começou a se concentrar perto do cais, então eu já fiquei esperto porque gosto de ser um dos primeiros a entrar para escolher o meu lugar estrategicamente.

Parte superior do barco
Parte superior do barco

Basicamente são duas opções: você pode ir sentado na parte interna, com maior conforto; ou ir na parte superior, em que você vai sentado em um banquinho de madeira e exposto ao sol. A maioria das pessoas quis ir na parte de cima para apreciar a paisagem, sentir o vento na cara, tirar fotos, etc. Fiz o mesmo. Só devo deixar aqui o alerta de que, mesmo estando fazendo frio, é muito importante usar filtro solar. Lembre-se que são cerca de duas horas de trajeto e o sol nessa região castiga de verdade. Além do mais, quando chegar à ilha, você continuará exposto aos raios ~ultraviolentos~ pois o passeio é praticamente todo externo.

Eu fiz essa viagem em maio, um mês em que praticamente não chove na região. O dia estava lindo, um céu azul quase sem nuvens. Se você vai visitar o local entre novembro e março, saiba que há chances de chuva, principalmente em janeiro.

Copacabana vista do Lago Titicaca
Copacabana vista do Lago Titicaca

Quando eu fui o barco não balançava quase nada, já que as águas do lago estavam bem calmas. Durante o trajeto, podemos observar a cidade cada vez mais distante e a ilha se aproximando aos poucos. Também vimos algumas coisas pitorescas, como uma minúscula ilha tomada por pássaros e outra habitada por uma árvore solitária. Mas, no geral, o passeio se torna um pouco entediante depois de um tempo, afinal de contas acordamos cedo e a paisagem não muda muito. Como o meu barco não estava cheio, tínhamos a opção de descer e ficar nas poltronas mais confortáveis da parte interna, mas preferimos continuar na parte superior.

Porto da comunidade Uymani
Porto da comunidade Uymani

A primeira parada do barco é em Uymani, a comunidade que fica ao sul da ilha. Essa é a parte em que as pessoas geralmente se hospedam (eu, inclusive), mas não tem tantos atrativos. Para o passeio turístico, continue no barco, que agora segue a costa da Isla del Sol até a comunidade chamada Challapampa, no norte. Ali é onde todo mundo desce. A volta vai depender do que você quer fazer na ilha. As opções mais comuns são:

  1. Visitar as ruínas da parte norte e voltar para o porto de Challapampa, pegando o barco para a parte sul ou de volta para Copacabana. A parada na parte sul só vale à pena para quem vai se hospedar por lá ou quer ir comer em algum restaurante local.
  2. Visitar as ruínas da parte norte e fazer a caminhada até o sul da ilha, que dá mais ou menos 8km com várias subidas e descidas. Como o último barco para Copacabana sai às 16h, é preciso ir para a ilha no primeiro horário da manhã e calcular bem o tempo, pois a duração da caminhada depende muito do ritmo e disposição de cada um (2h30 a 4h). Como eu ia passar a noite na Isla del Sol, não precisei apertar o ritmo.
  3. Há ainda a possibilidade de ir até a Isla de la Luna, mas quando eu fiz essa viagem, não estavam fazendo traslados para lá. A não ser que fosse particular e eu achei muito caro, então desisti.
Parte interna do barco
Parte interna do barco

Para a volta, é mais confortável ir na parte interna, mesmo porque todo mundo já está enjoado de ver a paisagem e cansado pelas caminhadas feitas durante o passeio. Na verdade, muita gente acaba dormindo nesse trajeto. Mais uma vez, é importante estar atento ao movimento para ser um dos primeiros para entrar na embarcação e escolher o seu lugar. Eu não tinha comprado passagem de ida e volta, já que ia dormir na ilha e o retorno de manhã é bem mais tranquilo. Acabei voltando com outra empresa. O nome no barco era Cisne e saímos às 10h30, que é também um horário padrão. Como a parte sul está mais próxima de Copacabana, o tempo de viagem foi um pouco menor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s