Temperos vendidos à granel no Chelsea Market

Nova York – Chelsea Market

Ocupando um bloco inteiro entre as 15th e 16th Streets as 9th e 10th Avenues, o Chelsea Market é um grande mercado que atrai cerca de 6 milhões de visitantes por ano. A construção de espaços para fabricação de alimentos no local começou na década de 1890, que depois se juntaram para formar a National Biscuit Company (Nabisco) em 1898. Em 1930, foi erguido um prédio anexo na 10th Avenue, projetada pelo então arquiteto da Nabisco, Louis Wirsching Jr., para substituir as padarias existentes no local. A construção coincidiu com a da linha de trens suspensa High Line, permitindo que o trem de cargas passasse diretamente no interior do prédio. Além disso, uma passarela por cima da rua passou a ligar as duas estruturas. A fábrica continuou a se expandir até se mudar para o surbúrbio em 1958. A configuração final consistia em 19 estruturas separadas que ocupavam todo o quarteirão e incluía tanto áreas de produção quanto escritórios.

Chelsea Market
Chelsea Market

Localizado próximo ao rio Hudson e servido pelos trens da High Line, o local também funcionou como base para a comercialização de carnes, então refrigeradas com blocos de gelo retirados do rio. Ao longo das décadas, foi ocupado por diferentes indústrias, mas a queda da movimentação comercial na região levou o espaço à decadência. Desde os anos 1990, quando foi readequado pelo novo dono Irwin Cohen e o Vandenberg Architects, o complexo conta com lojas no térreo e escritórios nos andares superiores, incluindo companhias televisivas como a Oxygen Network, Food Network, MBL.com, EMI Music Publishing e a TV local de Nova York NY1. Mais recentemente, a Google e o Youtube ocuparam salas em vários andares.

Diversas lojas do Chelsea Market
Diversas lojas do Chelsea Market

A área sempre foi um local voltado para a alimentação e sua importância história lhe confere uma atmosfera única. Em apenas 15 anos, o Chelsea Market se tornou o maior hall de lojas voltadas para comida do mundo, com mais de 35 pontos comerciais vendendo sopa, castanhas, vinhos, cafés, queijos, bolos, chás e muitos outros produtos.

Temperos e chás vendidos à granel no Chelsea Market
Temperos e chás vendidos à granel no Chelsea Market

É um mercado local com uma perspectiva global. Em poucos (ou muitos) passos você passa por uma loja com vinhos de todo o mundo, um mercado de produtos importados de Marrakesh, uma padaria com cookies tipicamente americanos, um açougue com carnes locais e uma loja voltada para a culinária italiana, entre outros. Vale muito a pena conhecer. Informações sobre as lojas e eventos podem ser acessados na página do Chelsea Market.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s